Livro “Minha Boca Meu Caminhar”

EU ME AMO

Meu nome é Márcio Vaz, nascido no dia 24 de março de 1976, na cidade de Fortaleza-Ceará. Atualmente encontro-me na condição de tetraplégico, com ausência total de movimentos nos braços e nas pernas. Esse livro é de minha autoria, trata-se de uma autobiografia que traz à tona minha trajetória de vida, desde o dia em que me acidentei 10 de outubro de 1998, até meados de 2012. O recurso que utilizo para escrever é uma adaptação que me permite digitar com a boca. A proposta dessa literatura é trazer um exemplo de superação de quem está construindo uma bela história de vitórias e conquistas, todas elas pautadas no esforço, na vontade e na determinação de quem se reconhece um ser de possibilidades. Meu sucesso não provém ainda de grandes resultados ou conquistas materiais, mas sim de vitórias continuas na vida pessoal e profissional. Um exemplo não só de sucesso, mas de perseverança e atitude.

Nem por um instante o leitor dessa obra irá se deparar com discursos sensacionalistas ou de caráter sensibilizador, pois quem aqui escreve é um autor com característica dinâmica, de bem com a vida e com o humor bem acima da média. Apesar dos apesares, não sou carecedor de pena, mas sim, de admiração, pois faço dos meus dias um exemplo de força e persistência. Preparem-se para uma leitura descontraída, onde com muito bom humor lhes trago lições sérias de vida. Desarmem-se e apreciem esse modelo de conduta absorvida, sem moderação, pois contagio os que por mim perpassam, vendendo não apenas teoria, mas minha verdade vivida.

Acredito muito no potencial humano, mesmo diante da suposta “incapacidade” e perante as adversidades. Creio em um ser de habilidades, força e capacidade que lhes são inatas e que lhes permitem a superação. Eu, como exemplo, não desisto nunca, adoro um bom desafio e quebrar as barreiras do intransponível como quesito de diferencial. Transcendo o que aparento e me valho pelo que represento. Minha conduta incita e a eloquência envolve. Meu exemplo fala por mim, mas mesmo assim minhas palavras ecoam na essência do ser, resgatando a autoestima por hora abandonada. Sou dinâmico, articulado, espontâneo e “SUPERMODESTO” (risos). Mas é essa minha autoestima, quem mais tem me favorecido. Minha ética é construída sobre uma forte base moral, trago comigo uma combinação instigante a qual pretendo discorrer ao longo dos capítulos.

Espero nessa obra poder surpreender além de fazer jus ao meu marketing pessoal. O egocentrismo (Eu Me Amo) faz parte de um modo de funcionar, que tem a intenção de desmistificar a visão do deficiente como pobre coitado a se melindrar. Quem se mostra pequeno recebe esmolas, quem se vende grande recebe propostas. Logo, pretendo mostrar que minha fala é condizente com a prática, que mudanças são possíveis, podendo assim resgatar a autoestima daqueles que se sentem deslocados e para baixo, além de potencializar o estimado. Se é presunção? Não sei! Porém, costumo apostar alto no que me disponibilizo a fazer. Essa proposta de escrita não é algo novo, mas veio tomar corpo no momento certo, quando já conto com certa bagagem adquirida aos meus quase 14 anos de tetraplegia.

Trago como objetivo ações de empreendedorismo, superação e entretenimento com humor. Porém, não sigo uma linha educacional ou mesmo de autoajuda, penso que, por muitas vezes até deseduca e “prejudica”, afinal, estou a falar da minha vida, um ser nada convencional ou conservador. Conto com o bom senso do leitor para filtrar o conteúdo a lhe favorecer. Além de que, há construção dessa autobiografia, eu denominei de projeto relâmpago, onde em somente seis meses, com todas as minhas atribuições e atribulações a que vocês serão apresentados, tive que dar conta do recado.

O pior foi quando ao conversar com uma amiga minha que é escritora, ela me revelou ter passado dois anos revisando seu livro, onde ainda assim, sempre encontrava erros gráficos. Logo, penso eu, coitado do meu livro, que ainda não foi nem revisado e falta menos de um mês para ser lançado (risos). Espero que você meu caro leitor, não desaprenda o português, pois meu tempo está escasso, e, por favor, absorva mais os bons exemplos ao invés de degenerar com os maus, pois esta escrita é de alguém com muitas qualidades, mas também cheio de defeitos.

No livro será comum encontrar no decorrer da história, risos em minhas falas – (risos) – não como uma ocasião deveras engraçada, mas sim, uma expressão que manifesto, ao escrever e recordar certas circunstâncias que me são salutares, onde a leveza do meu olhar transformou o prisma da situação. “Anseio que descubras as mensagens por detrás das palavras; não sou um sábio, sou apenas um ser apaixonado pela vida”. (Chamalu – Índio Quechua)

Nos três próximos capítulos vocês irão me conhecer melhor, uma vez que trago aspectos da minha realidade cronológica, como retrospectiva da minha vida, acidente ocorrido e formação moral construída, para que na sequência entremos nas dinâmicas e atitudes do meu Ser, Pensar e Agir que mudaram o meu caminhar. O Ser traz minha viagem e o contato com a espiritualidade, já ao retratar o Pensar, trago um pouco de teoria com a minha filosofia e concepção de vida, mas ao relatar o Agir, revelarei muitas ações em que um dia me aventurei e êxito, logrei. Sejam bem vindos ao meu mundo, espero poder lhe entreter e se possível contribuir para a reconstituição e continuação do seu ser.

 

34 comentários em “Livro “Minha Boca Meu Caminhar”

    • Obrigado Aline, não é lá aquelas escritas, mas só em agradar pessoas como você, já faz o resultado e empenho valerem a pena. Beijo.

  1. Tomei conhecimento do acidente que vitimou o jovem Márcio Vaz em abril de 2006, entrei em contato para poder publicar uma entrevista com ele e fui prontamente atendido. De lá para cá, jamais deixei de estar em contato e pude testemunhar que ele realmente é uma pessoa decidida, e melhor, amigo. Leiam o primeiro tópico da entrevista:
    “Márcio Vaz:- Meu nome é Márcio Vaz, tenho 30 anos, sou de Fortaleza-CE e portador de tetraplegia (ausência de movimento nos membros superiores e inferiores), teclo no computador com a boca. Estou nesta situação há sete anos e meio, quando me acidentei mergulhando em águas rasas, numa praia de Fortaleza no dia 10/10/98.”
    Na realidade, ao se aproximar da praia viu seus amigos com as cabeças para fora, achando que estavam nadando, mergulhou batendo a cabeça (seus amigos estavam sentados na areia só com a cabeça de fora. ATUALMENTE SOMAM 14 ANOS QUE ELE TECLA COM A BOCA.

    • Obrigado Devanir, pelas suas falas. Você tem sido um grande incentivador e amigo ao longo da minha jornada. Foi muito bom ter feito parte do Jornal Integração. Parabéns pelo papel que representas perante a sociedade, sua dedicação e generosidade tem modificado a vida de muita gente. Um forte abraço.

  2. ESTRELA, VC FOI ESCOLHIDO POR DEUS, E NÃO TE ESQUEÇAS DE UMA COISA, DEUS NÃO DEMORA, ELE SIMPLESMENTE CAPRICHA, ELE CADA DIA ESTÁ A CAPRICHAR MAIS PARA VOCÊ SER A PESSOA QUE É. EU QUERIA TER SUA FORÇA, SUA ALEGRIA, POIS OLHO PRA VOCÊ E PENSO: MEU DEUS QUE PERFEIÇÃO DE HOMEM, QUE ESTRELA QUE É ESTE HOMEM. NOSSA SIMPLESMENTE SEM PALAVRAS, PARABÉNS, BOA SORTE, SOU SUA FÃ E SEREI ETERNAMENTE. MARGARETE

    • Obrigado Margarete por suas belas palavras de incentivo e admiração. Estrelas somos todos nós, uma vez que temos o nosso brilho próprio, que reluz aos olhos dos que nos amam e enxergam nossas qualidades. Eu tenho você no meu facebook? Grato, beijo.

  3. Márcio é uma pessoa realmente muito especial e tenho certeza de que o livro será um tremendo sucesso!
    E aí, Márcio? Não esqueça de me chamar pro lançamento!!

    • Com certeza Kassandra, você é uma grande incentivadora da minha carreira, cuja carisma e boas intenções já a tornaram uma amiga mais do que especial. Grato pelas palavras, lançamento está próximo.

    • OLÁ MARCIO, VOCÊ É UM SER ABENÇOADO POR DEUS! ELE TEM UM PROPOSITO EM NOSSAS VIDAS E VOCÊ É EXEMPLO. PARABÉNS POR ESSA FORTALEZA QUE EXISTE EM VC… VOCÊ É EXEMPLO!

    • Meu amigos, conheci este rapaz ainda garotinho. Mudei-me para a rua dele, moro em frente a sua casa. Ele continua lindo, muito lindo por dentro e por fora. Peço a Deus a cada vez que o vejo, saúde, paz e muita inteligencia, para ele e sua família. No dia do Lançamento de seu LIVRO, não pude comparecer, era o aniversário do meu esposo. Parabéns pelo LIVRO, realmente ELE É O CARA. Vale a pena comprar. Um abraço bem forte. Bethy Rocha.

  4. Márcio é um homem como poucos no mundo. Quanto mais te conheço, mais te admiro e mais quero te conhecer.
    Quem vai entender os porquês divinos, mas Ele sabe o porque de colocar um ser de luz, como vc, na minha vida.
    Que Deus te abençoe hj e sempre.
    Como faço para comprar seu livro e conseguir um autógrafo? Bjs nesse coração tão doce.
    Karine

    • Grato pelas palavras Karine. Você que é pura energia, carisma e generosa. O livro será lançado em novembro e você será convidada. Sua presença é vip, além de especial. Beijo.

  5. Pelas palavras de apresentação tão otimistas e vibrantes, seu livro deve ser excelente, Márcio. Parabéns pela superação!!! Deus abençoe sua vida e que através dela vc possa ajudar a quem perdeu o sentido da vida por alguma limitação, seja ela física ou psicológica.
    Quero ser atualizada quanto à publicação do seu livro, pedidos e envio. Abraços!

  6. Prezado Márcio,
    Você realmente é lição de vida, um exemplo de cidadania. Nós, mães que temos filhos especiais, fizemos com você encontros marcantes e sobretudo aprendemos que nada é impossível, precisamos construir o mundo de outra maneira, amenizando os sofrimentos quando na realidade eles não existem quando se tem garra, sonhos e capacidade para vencê-los.
    Parabéns ! Estou no aguardo para o lançamento do seu livro, pois sei que vou aprender e me divertir muito com você.
    Adelaide.

  7. Grande Márcio!

    Estou adorando seu livro e seu sucesso!

    Mas vc não citou que seu primeiro trabalho como empresário de sucesso foi quando vc foi adesivar a minha Combi da Max Festas…………. lembra que vc disse brincando comigo que antes de adesiva-la eu tinha que levar a Combi para um lava jato……rs……..

    Mas vc foi tão profissional que, conseguiu colocar os adesivos do jeito que a Combi se encontrava!……

    No seu próximo livro cite a minha velha Combi, viu!

    Não discrimine a minha pobre Combezinha, heim!…..rs….

    • Obrigado Max e Zé, na verdade eu não falei brincando, a Combi velha precisava de um banho e um ferro velho para repousar, pois já havia dado o que tinha que dar, kkkkkkkk… Tive que lavar as portas com querosene e no local que ela tinha dado prego, kkkkkk… Boas recordações. Beijos…

  8. Amigo Márcio,
    já pedi a uma amiga nossa que esta vindo à Campinas, para comprar e trazer o seu livro. Estamos ansiosos para ler. Conhecendo você um pouco, já posso ver a alegria, o bom humor e a verdade, além de uma lição de vida incrível. Saudade amigo.

  9. Adorei o seu livro, é muito engraçado, e o seu humor, como conta cada capitulo é radiante.
    Muito obrigada por ser essa inspiração de cada dia, por que apesar de tudo, você é um guerreiro!
    Adorei seu livro!

  10. Márcio Vaz, ontem tive a honra de assistir sua palestra e sinto sinceramente ter sido motivada. Foi algo realmente que partiu de dentro, cada palavra sua não foi em vão. E mais do que nunca sei que para ter sucesso, é preciso acreditar primeiro em mim, pois cada obstáculo não é o fim, mas a oportunidade de seguir adiante mais forte e com mais coragem. ATITUDE!!! Parabéns pelo exemplo, pelo sucesso, pelo profissional e pela pessoa que você é. Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Visit Us On TwitterVisit Us On Facebook